Banner2


Notícias

QUASE CERTO QUE O OVNI FOTOGRAFADO POR REPÓRTERES DE “A TRIBUNA” ERA MESMO LIXO ESPACIAL.

Por Milton Aloísio de Oliveira

A pesquisa que fez originar o presente trabalho foi levada a cabo pela NARCAP BRASIL (através de seu representante José Américo C. Medeiros, e assessoria do representante Narcap-USA, Dr. Brad Sparks - PHD) e o GEO - Grupo de Estudo dos Ovnis (por seus pesquisadores).


 

Conforme fartamente anunciado através de diversos meios de comunicação, grupos de discussão e comunidades de ufologia existentes no site de relacionamentos “Orkut”, uma equipe de jornalismo do Jornal “A Tribuna”, de Santos (SP), ao retornar da capital paulista (onde foi cobrir o show de abertura do Tim Festival), quando transitava pela Rodovia dos Imigrantes, nas proximidades de um pedágio existente naquela rodovia, teria presenciado e fotografado um OVNI disforme e de cores variadas, às 0:30 h do dia 22 de outubro de 2008.

 

# Notícia original em: http://atribunadigital.globo.com/bn_conteudo.asp?cod=380722&opr=103

# Notícia com depoimento do fotógrafo do Jornal “A Tribuna” em: http://www.youtube.com/watch?v=ZIOFjC9OKjw

Diversos segmentos e representantes da ufologia nacional chegaram a considerar o objeto como sendo um autêntico OVNI. Descartando outras hipóteses para o ocorrido, tais como avião, helicóptero, satélite ou mesmo fenômeno natural, associaram o fato como sendo mais um episódio de uma suposta onda ufológica que estaria ocorrendo no país.

Constituindo única exceção, este site divulgou a tese de que o fenômeno pudesse se tratar de uma reentrada de lixo espacial.

# Veja notícia em: http://www.geogrupo.com.br/?load=mod4&idm=16&pag=0&id=10&acao=v

É que havia uma previsão de reentrada de Lixo Espacial compatível com o informado horário do avistamento em Santos

De fato, o Center Orbital and Reentry Debris Studies, criado pela The Aerospace Corporation, com sede nos Estados Unidos, que disponibiliza em seu site previsões da espécie, já anunciava, com antecedência, para o início da noite de 21/10 e madrugada de 22/10 (considerado para tanto o horário UTC), a previsão de reentrada do que seria o veículo descrito como Delta II Stage 2 Rocket Body, da missão GeoEye 1, que foi lançado pelos americanos em 06 de setembro de 2008.

# Previsão de reentrada em: http://www.reentrynews.com/2008042b.html

 

     

Ilustraçao - Fonte: Nasa

A reentrada do estágio 2 do Delta II estava prevista para acontecer a partir de 0:27 h (horário UTC) do dia 22 de outubro de 2008, com margem de erro de 130 minutos, para mais ou para menos.

No Brasil, considerado o horário oficial de verão e a margem de erro calculada, a reentrada poderia se dar entre 20:17 h. do dia 21/10 e 0:27 h. do dia 22/10/08.

Como foi informado pelos membros da equipe jornalística que o OVNI por eles observado e fotografado teria ocorrido por volta de 0:30 h. da madrugada de 22 de outubro de 2.008, ASSIM, grande era a chance de que tal objeto pudesse se tratar da reentrada do referido lixo espacial.

NOVOS DADOS OBTIDOS APÓS O ANÚNCIO DO EVENTO, PRATICAMENTE CONFIRMAM A TESE DE REENTRADA

1. JUNTO AO JORNAL "A TRIBUNA"  

Foram iniciadas, então, a partir da GEOcomunidade do Orkut, investigações em busca de pormenores relativos aos dois incidentes (OVNI e Reentrada). Levadas à cabo pelo membro José Américo C. Medeiros, representante brasileiro da NARCAP - NATIONAL AVIATION REPORTING CENTER ON ANOMALOUS PHENOMENA, e correspondente do GEO na 1ª Região-Rio de Janeiro, importantes dados foram levantados.

Há que se ressaltar, neste aspecto, o grande interesse dos editores do Jornal "A Tribuna" no sentido de submeterem os fatos à apreciação dos pesquisadores, notadamente à qualificada assessoria do Dr. Brad Sparks (NARCAP USA), independentemente dos resultados, demonstrando postura jornalística saudável, desejável, e, portanto, que merece elogios.

Em nome da NARCAP BRASIL foi solicitado ao Jornal “A Tribuna” o fornecimento de cópias dos arquivos originais contendo as fotos obtidas em Santos, acompanhadas das informações EXIF de cada uma delas.

Em resposta, referido Jornal santista disponibilizou apenas duas fotos de seus arquivos, com as referidas informações EXIF, claramente apresentando um objeto disforme, onde se configura intensa queima de gases poluentes e detritos,  revolucionando em movimentos aleatórios, tudo sugerindo um descontrole motivado pela resistência ao seu avanço na atmosfera terrestre.

1.A  - Foto nº 13

Informações Exif:

Filename : 221008OVNI13.jpg JFIF_APP1 : Exif JFIF_APP14 : Photoshop 3.0 JFIF_APP1 : http JFIF_APP2 : ICC Profile (offset:27681 size:3151bytes) JFIF_APP15 : Adobe AdobeResource IPTC-NAA : 4000Byte Unknown (1061) : 16Byte DisplayInfo : 16Byte Unknown (1062) : 14Byte GlobalAngle : 4Byte Global Altitude : 4Byte PrintFlags : 10Byte CopyrightFlag : 2Byte Print flags : 10Byte Color halftoning information : 72Byte Color transfer functions : 112Byte Grid and Guides information : 16Byte URL List : 4Byte Slices : 846Byte Unknown (1064) : 12Byte Document specific IDs : 4Byte ThumbnailResource : JPEG Format (Offset:8287Size:1672) Thumbnail Type : JPEG Thumnail Width : 160 Thumbnail Height : 134 Version Info : 86Byte JPEG quality : 00010100 IPTC Record version : 0002 Caption : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Photographer : LUIZ FERNANDO MENEZES Credit : ATRIBUNA/EXPRESSO Taking a picture day : 20081022 Place of dispatch : SÃO PAULO Category : LOC Keyword : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Unknown (231) : A Tribuna 22/10/2008 13:24:50 Copy To : GERAL EXPRESSO - Q:\Expresso Popular\GeralA Tribuna 22/10/2008 13:25:25 Copy To : WireCenter - I:A Tribuna 22/10/2008 13:26:37 Copy To : LOCAL TRIBUNA - P:\LOCAL TRIBUNAA Tribuna 22/10/2008 13:27:28 Copy To : WireCenter - I: Unknown (232) : Model : Canon EOS 40D Date and Time : 2008:10:21 23:40:06 Exposure Time : 1/30 Sec Aperture : 1:7.1 Flash : Yes Zoom Length : 280 mm Exposure Program : Manual ISO Speed : 3200 Shutter Speed : 1/30 Sec Aperture : 5.6 Exposure Bias : 0.000 Metering Mode : Pattern Zoom Length : 280 mm Unknown (240) : Main Information ImageDescription : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Make : Canon Model : Canon EOS 40D Orientation : left-hand side XResolution : 2000000/10000 YResolution : 2000000/10000 ResolutionUnit : Inch Software : Adobe Photoshop CS2 Windows DateTime : 2008:10:22 15:32:39 Artist : LUIZ FERNANDO MENEZES YCbCrPositioning : co-sited ExifInfoOffset : 340 GPSInfoOffset : 1108 Sub Information ExposureTime : 1/30Sec FNumber : F7,1 ExposureProgram : Manual ISOSpeedRatings : 3200 ExifVersion : 0221 DateTimeOriginal : 2008:10:21 23:40:06 DateTimeDigitized : 2008:10:21 23:40:06 ComponentConfiguration : YCbCr ShutterSpeedValue : 1/32Sec ApertureValue : F7,0 ExposureBiasValue : EV0,0 MeteringMode : Division Flash : Not fired(Compulsory) FocalLength : 280,00(mm) UserComment : SubSecTime : 24 SubSecTimeOriginal : 24 SubSecTimeDigitized : 24 FlashPixVersion : 0100 ColorSpace : sRGB ExifImageWidth : 394 ExifImageHeight : 329 ExifInteroperabilityOffset : 1076 FocalPlaneXResolution : 3888000/876 FocalPlaneYResolution : 2592000/583 FocalPlaneResolutionUnit : Meter CustomRendered : Normal process ExposureMode : Manual WhiteBalance : Auto SceneCaptureType : Standard GPS Informtion GPSVersionID : 2,2,0,0 ExifR98 ExifR : R98 Version : 0100 Thumbnail Information Compression : OLDJPEG XResolution : 72/1 YResolution : 72/1 ResolutionUnit : Inch JPEGInterchangeFormat : 1222 JPEGInterchangeFormatLength : 1643

1.B - Foto nº 22

Informações Exif:

Filename : 221008OVNI22.jpg JFIF_APP1 : Exif JFIF_APP14 : Photoshop 3.0 JFIF_APP1 : http JFIF_APP2 : ICC Profile (offset:28101 size:3151bytes) JFIF_APP15 : Adobe AdobeResource IPTC-NAA : 4000Byte Unknown (1061) : 16Byte DisplayInfo : 16Byte Unknown (1062) : 14Byte GlobalAngle : 4Byte Global Altitude : 4Byte PrintFlags : 10Byte CopyrightFlag : 2Byte Print flags : 10Byte Color halftoning information : 72Byte Color transfer functions : 112Byte Grid and Guides information : 16Byte URL List : 4Byte Slices : 846Byte Unknown (1064) : 12Byte Document specific IDs : 4Byte ThumbnailResource : JPEG Format (Offset:8497Size:1882) Thumbnail Type : JPEG Thumnail Width : 160 Thumbnail Height : 148 Version Info : 86Byte JPEG quality : 00010100 IPTC Record version : 0002 Caption : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Photographer : LUIZ FERNANDO MENEZES Credit : ATRIBUNA/EXPRESSO Taking a picture day : 20081022 Place of dispatch : SÃO PAULO Category : LOC Keyword : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Unknown (231) : A Tribuna 22/10/2008 13:24:54 Copy To : GERAL EXPRESSO - Q:\Expresso Popular\GeralA Tribuna 22/10/2008 13:25:30 Copy To : WireCenter - I:A Tribuna 22/10/2008 13:26:41 Copy To : LOCAL TRIBUNA - P:\LOCAL TRIBUNAA Tribuna 22/10/2008 13:27:34 Copy To : WireCenter - I: Unknown (232) : Model : Canon EOS 40D Date and Time : 2008:10:21 23:39:44 Exposure Time : 1/30 Sec Aperture : 1:7.1 Flash : Yes Zoom Length : 280 mm Exposure Program : Manual ISO Speed : 3200 Shutter Speed : 1/30 Sec Aperture : 5.6 Exposure Bias : 0.000 Metering Mode : Pattern Zoom Length : 280 mm Unknown (240) : Main Information ImageDescription : Objeto voador não identificado na descida da serra de Santos Make : Canon Model : Canon EOS 40D Orientation : left-hand side XResolution : 2000000/10000 YResolution : 2000000/10000 ResolutionUnit : Inch Software : Adobe Photoshop CS2 Windows DateTime : 2008:10:22 15:32:15 Artist : LUIZ FERNANDO MENEZES YCbCrPositioning : co-sited ExifInfoOffset : 340 GPSInfoOffset : 1108 Sub Information ExposureTime : 1/30Sec FNumber : F7,1 ExposureProgram : Manual ISOSpeedRatings : 3200 ExifVersion : 0221 DateTimeOriginal : 2008:10:21 23:39:44 DateTimeDigitized : 2008:10:21 23:39:44 ComponentConfiguration : YCbCr ShutterSpeedValue : 1/32Sec ApertureValue : F7,0 ExposureBiasValue : EV0,0 MeteringMode : Division Flash : Not fired(Compulsory) FocalLength : 280,00(mm) UserComment : SubSecTime : 08 SubSecTimeOriginal : 08 SubSecTimeDigitized : 08 FlashPixVersion : 0100 ColorSpace : sRGB ExifImageWidth : 394 ExifImageHeight : 364 ExifInteroperabilityOffset : 1076 FocalPlaneXResolution : 3888000/876 FocalPlaneYResolution : 2592000/583 FocalPlaneResolutionUnit : Meter CustomRendered : Normal process ExposureMode : Manual WhiteBalance : Auto SceneCaptureType : Standard GPS Informtion GPSVersionID : 2,2,0,0 ExifR98 ExifR : R98 Version : 0100 Thumbnail Information Compression : OLDJPEG XResolution : 72/1 YResolution : 72/1 ResolutionUnit : Inch JPEGInterchangeFormat : 1222 JPEGInterchangeFormatLength : 1853 

2. JUNTO À NARCAP - NATIONAL AVIATION REPORTING CENTER ON ANOMALOUS PHENOMENA 

Paralelamente, gestões foram iniciadas junto ao Narcap USA, na pessoa do astrofísico Brad Sparks, também visando interpretar, convenientemente, os dados contidos no mapa disponibilizado pelo Center Orbital And Reentry Studies, relativos à reentrada de lixo espacial prevista para 21/22 de outubro de 2008, conforme abaixo reproduzido.

Para o perfeito entendimento da figura contendo a trajetória do objeto em queda, resta assinalar, em linguagem simplificada, que as linhas amarelas e azul no mapa acima representam toda a extensão do trajeto em que a reentrada poderia ocorrer (ground track uncertainty - 'prior to' and 'after' - predicted time), e o círculo laranja, além de mostrar o horizonte terrestre naquele momento (Earth horizon as seen from the reentetinf body), também a área aproximada de onde a reentrada poderia ser visível.

A escala constante dos traçados (sobre as linhas azul e amarela) representa, entre um ponto e o seguinte, o intervalo de 5 minutos transcorridos (ground track plotted at 5-minute intervals).

Assim, o ponto em destaque no círculo laranja equivale à hora 00:27 UTC de 22/10/08, que no Brasil, considerando-se o horário de verão, corresponderia a 22:17 h do dia 21 de outubro de 2008.

Acaso o objeto tivesse reentrado neste ponto, as possibilidades de que viesse a ser visto no Brasil, conforme demonstra o mesmo mapa, seria na sua região nordeste, ao norte do céu. Para que pudesse ser observado próximo ao litoral santista, há que se sobrelevar que nesta situação estaria completamente descartada a hipótese de reentrada a fim de justificar o objeto visto e fotografado pelos Repórteres de "A Tribuna".

A partir destes elementos, com a prestimosa ajuda do citado Dr. Brad Sparks (NARCAP-USA), foi possível estabelecer em que ponto da linha amarela a reentrada seguramente seria vista em Santos (SP). Para satisfazer essa situação em particular o objeto em queda deveria ter reentrado na atmosfera terrestre no instante em destaque no mapa do Dr. Brad, em 01:47 UTC de 22/10/08, que no Brasil corresponderia a 23:47 h do dia 21 de outubro de 2008.

Através de Mapa ilustrado pelo Dr. Brad Sparks - levando em consideração o intervalo de tempo que teria transcorrido para que o objeto estivesse postado nas proximidades da costa sul brasileira, quando de sua reentrada na atmosfera terrestre - é perfeitamente possível visualizar onde e quando esta situação ocorreria (isto é, acaso a reentrada se desse sobre o litoral brasileiro).

Eis o mapa com a ilustração desenvolvida pelo nobre Dr. Brad:    

Fonte: Narcap USA (Ilustração do Dr. Brad Saparks) - Possível reentrada sobre o litoral brasileiro se daria aproximadamente às 01:47 UTC do dia 22/10/08 (Possible Later Reentry - 0147 UTC OCT 22 2008).

 

JORNALISTA INFORMA QUE ELE E OS COLEGAS DE REPORTAGEM VIRAM OBJETO POR VOLTA DE 00:30 HORAS DO DIA 22/10/2008

O jornalista Ronaldo Abreu Vaio, no entanto, detalhou que ele e os seus colegas de equipe observaram e fotografaram o suposto OVNI, por volta de 00:30 H. do dia 22 de outubro de 2.008.

Essa afirmação de Ronaldo Abreu, como será possível constatar ao final, demonstra que ele e seus colegas não estavam atentos à passagem do tempo, e a estimativa do tempo total do avistamento passou a ser influenciada pelo estado emocional frente à raridade do fenômento que presenciavam. 

Diante dessa realidade apontada pelo jornalista, mais uma vez estaria afastada a possibilidade de que o fenômeno fotografado se tratasse da reentrada do Estágio 2 do Foguete Delta II. De fato, este horário brasileiro de verão (00:30h) corresponderia a 02:30 UTC, situação em que a reentrada teria se dado bem a oeste e além do território brasileiro (afastado a 1.000 km do litoral brasileiro), com mínimas chances de ser visto em Santos (SP).

Para se entender essa possibilidade, basta verificar no mapa adaptado pelo Dr. Brad a situação descrita como "Reentry Track If It Ocurred About 0230 UTC".

ERRO DE INTERPRETAÇÃO?

Sabe-se, na ufologia, que tais situações de suspense já levaram milhares de  testemunhas a cometerem diversos tipos de erros de interpretação, inclusive e principalmente, quanto à perfeita noção de horário e tempo transcorrido durante um evento da espécie. Porém, esse fato não é excludente quando na presença de outras decisivas e suficientes informações, como a projeção corrigida da reentrada e os dados EXIF das fotos originais, absolutamente não trucadas, o que resta demonstrado pela ausência de sinais características em seus pixeis (menores elementos num dispositivo de exibição).

Nem se poderia avançar nesse estudo, eis a NARCAP não recebeu respostas aos questionários enviados às testemunhas e nem obteve a totalidade das fotos produzidas, dados que poderiam ter dimensionado, convenientemente, o tempo total do evento.

Talvez o leitor menos atento não tenha observado os dados grifados constantes das informações EXIF das fotos gentilmente disponibilizadas pelo Jornal "A Tribuna", de Santos (SP). 

É que as mesmas foram obtidas, respectivamente, às 23:39:44 e 23:40:06 horas do dia 21 de outubro de 2.008 (01:39:44 e 01:40:06 UTC do dia 22/10/2008).

O horário real do evento, portanto, resta mais do que compatível para a situação onde a reentrada se daria a partir da costa brasileira, afastado entre 90 e 100 Kms e a uma altitude entre 60 e 90 kms, CONFORME perfeitamente demonstrado no mapa muito primorosamente ilustrado pelo representante da NARCAP dos Estados Unidos.

A máquina fotográfica utilizada (devidamente ajustada para o horário oficial de verão, desde 19/10, segundo o setor técnico do Jornal), para essas condições de altitude e distância, é perfeitamente qualificada para a obtenção das fotos exibidas. Além do mais, os fatores que poderiam limitar a definição do objeto fotografado, como formações de nuvens e novoeiros, não estavam presentes. Os boletins meteorológicos (METAR) do Aeródromo de Congonhas (SBSP), entre 00:00 e 02:00 UTC assinalam essas condições favoráveis.

 

CONCLUSÃO

Sem pretender afirmar, de forma definitiva, que o fenômeno observado e fotografado em Santos (SP) se trata efetivamente da reentrada do Estágio 2 do foguete DELTA II, entretanto, há de se convir que a possibilidade, diante destes novos dados obtidos, é muito mais razoável do que a anteriormente anunciada neste site. 

 

 

 

Voltar